Terror no talho

terror-no-talho

Fomos ao talho.
Curiosa, a Maria Luísa encosta-se à vitrine a observar atentamente cada peça de carne, até que se depara com um leitão rosadinho que parece dormir o sono dos inocentes:
– NÃO! O porquinho Babe! – grita horrorizada, levando as mãos à cara.
Em choque, desvia os olhos noutra direcção para arregalá-los novamente perante as codornizes alinhadinhas e depenadas de rabo espetado:
– Oh não, mãe… Eles têm galinhas bebés! São galinhas bebés!
Começo a rir-me.
– Não são galinhas bebés. São codorni..
– OH MEU DEUS! – Desta vez, está especada em frente aos coelhos esfolados, com as mãos coladas no vidro.
– SÃO SURICATAS! Eles têm suricatas!!! Não acredito!
#TimonEPumbaEGalinhasBebés e eu a comprar bifes de seitan, daqui a uns anos, está-se mesmo a ver!

Partilha!Tweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Pin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someoneBuffer this page

Leave a Comment.