Terror no talho

terror-no-talho

Fomos ao talho.
Curiosa, a Maria Luísa encosta-se à vitrine a observar atentamente cada peça de carne, até que se depara com um leitão rosadinho que parece dormir o sono dos inocentes:
– NÃO! O porquinho Babe! – grita horrorizada, levando as mãos à cara.
Em choque, desvia os olhos noutra direcção para arregalá-los novamente perante as codornizes alinhadinhas e depenadas de rabo espetado:
– Oh não, mãe… Eles têm … Ler mais